fbpx

Um artigo tão bem associado ao dia que se aproxima! Um dia dedicado aos casais, para celebrarem o seu amor.

Falando nisso se ainda não viste a promoção 2×1, termina hoje. Clica aqui para mais informações.

Se te disser já, que existe uma forma de duplicares a probabilidade de teres sucesso na tua jornada, tinhas interesse em saber? Uma forma de tornar o exercício e nutrição mais divertidos, mais fácil de gerir no tempo e de ter uma motivação extra? Parece bom demais para ser verdade?
Cada vez mais existem “fit couples”, casais que decidem embarcar juntos numa jornada de mudança de hábitos, alimentação e treino… Em conjunto. Mas existem algumas vantagens e faze-lo a pares, em vez de o fazer sozinho? Isso é o que vais descobrir ao longo deste artigo, com alguns estudos já realizados.
A Sik Nutrition inclusive já ajudou alguns destes casais a conseguirem perder gordura, ganhar massa muscular e melhor, a tonar mais forte a sua relação amorosa. Conheçam a Tânia e Nuno Lima o nosso “fit couple” do mês:

O que nos diz a Ciência

O Doutor Wayne  que está envolvido num programa de Coaching e Lifestyle diz:

“Nos meus 10 anos de experiência a avaliar quais as causam para mudanças permanentes a longo prazo associadas a saúde e fitness, o fator MAIS importante é ter um sistema de suporte”.

O que nós podemos Sik Nutrition podemos comprovar com dados: podemos dizer que é pelas nossas macros, ou pela forma como entregamos a documentação que temos sucesso, mas a verdade é que o que nos torna inigualáveis é a forma como oferecemos suporte ao longo de toda a jornada dos nossas Atletas e esse é o maior fator de sucesso na jornada deles.
Como o próprio Doutor diz, a necessidade de ter suporte de alguém (amigo, coach ou casal) é algo quase primitivo e está no nosso instinto:

“Somos animais sociais, procuramos a companhia e incentivo de outros principalmente enquanto estamos a realizar esse trabalho.”

E além dos resultados existem outros efeitos “interessantes”, como a relação amorosa obter também frutos deste trabalho conjunto. Num estudo [4] realizado a casais os resultados mostraram que os casais se mostravam mais satisfeitos e mais apaixonados pelo parceiro após começar um programa de exercício físico em conjunto. Interessante que a atividade na qual foram envolvidos era uma atividade desafiante e nova, mas de apenas 7 minutos! Ainda assim com todos estes efeitos positivos 😉
A presença do parceiro melhora também a eficiência dos treinos. Um conceito de longa data relacionado com a psicologia social é que a presença de alguém afeta a tua capacidade em fazer uma atividade [5]. Mesmo sendo uma atividade na qual te sentes competente, como treinar no ginásio, o fato de teres a tua cara metade contigo é uma forma ótima de aumentar a tua performance nesse mesmo treino. No entanto é preciso salientar que no mesmo estudo [5] o que falo acima aplica-se quando é uma atividade que já dominas, se forem exercícios novos a presença da tua cara metade pode deixar-te com algum embaraço e interferir na tua aprendizagem. Podemos concluir que existem possibilidade de melhoria na performance, quando um deles já possui alguma experiência e nesse caso ambos podem usufruir dos ganhos de treinar em conjunto.
Um estudo [6] realizado a casais heterossexuais mostrou que os maridos estão mais preocupados com a sua composição corporal quando as suas esposas se preocupam também em ter uma vida ativa e saudável. Assume-se assim que que o fato de partilharem os sucessos e dificuldades desta jornada podem permitir um suporte extra e garantir o cumprimento das tarefas.
Realizar exercício em conjunto permite “imitarem-se”, como se um de vocês caminhar mais rápido o outro acelera o passo para acompanhar. A isto chama-se de mimetismo, e estudo como este [7] mostram que o mimetismo tende a fazer que as pessoas se sintam mais unidas a nível emocional tornando as relações mais fortes e profundas.
Ainda que uma das pessoas do casal pode estar mais envolvida no fitness do que a outra, a presença ainda que ocasional destas tarefas em casal fortalece a relação.

Notas na aplicação e estudos

Já calçaste os ténis (ou sapatilhas 😊) e estão a correr juntos para o ginásio? Calma… Termina de ler o artigo.
Nem todos os parceiros de treino são iguais e será importante ter alguns pontos em atenção para potenciar os resultados.
É bom que avalies, que a pessoa que escolhes (seja relação amorosa, um amigo ou um coach) esteja disposto a levar a atividade a sério para evitar que não sirva apenas para te distrair ou desmotivar. Ser demasiado inexperiente ou muito mais experiente que tu, pode ser um fator de cuidado.
Outro estudo que foi levantado acerca deste assunto que pode ser importante, acrescentando aos anteriores, foi um estudo [3] relacionado com a obtenção de autorregulação externa analisou o impacto ao ter alguém a ajudar-nos numa tarefa, e que saber da existência de alguém que nos ajuda enfraquece a motivação em gastar energia para atingir este mesmo objetivo relacionado com a tarefa. Os participantes deste estudo [6] que sabiam da ajuda do seu parceiro para atingir melhorias na sua saúde automaticamente planearam menos tempos e esforço para cumprir os objetivos relacionados com saúde na semana seguinte.
Usa o teu parceiro como ajuda e companhia, e não como “bengala”.

Plano de Ação

Existem vários formatos para otimizar o teu trabalho em equipa com o teu parceiro. Vamos elaborar alguns deles. Se categorizarmos em três categorias:

  • O Sistema de Amigos
  • O Sistema em Grupo
  • O Sistema de Pares

O Sistema de Amigos/Colegas
Um grupo de duas pessoas, normalmente amigos ou colegas que treinam juntos. É uma solução ótima para todos aqueles que têm vergonha ou preguiça de ir ao ginásio sozinhos, ou somente pretende aproveitar para passar mais tempo juntos.
O fato de ter um colega de treinos aumenta a probabilidade de ser consistente com o plano.
Cuidados: Atenção a colegas de treino que são “choramingas”, faltam mais vezes do que vão, ou que não te dão a energia boa que procuras, podendo levar-te a desistir.
O Sistema em Grupo
Um pequeno grupo de pessoas, que arrancam em conjunto com o mesmo objetivo sabendo de antemão que vão passar por processos semelhantes, pode potenciar os resultados. Grupos conhecidos a nível internacional como Weight watchers mostram o poder de realizar movimentos em grupo. Encontrar um grupo de amigos que queiram ir correr no mesmo horário, ou amigas que queiram ir às mesmas aulas de grupo, pode ser um bom incentivo a continuar em busca dos teus objetivos. É sabido já faz longos anos, o poder de construir comunidades coesas onde a sensação de pertença aumenta a probabilidade de obter resultados (um bom exemplo é o Grupo Privado da Team Sik Nutrition).
O Sistema de Pares
O mais procurado no dia de hoje, dia dos namorados. Um par romântico e apaixonado, que procuram atingir resultados em conjunto. Treinem juntos como parceiros de treino, ou somente indo juntos no mesmo horário é uma excelente opção.
Além de todas as melhorias, acabam por passar mais tempo de qualidade juntos, no ginásio, nas idas até ao ginásio, e nos momentos de relaxamento após a ida ao ginásio.

Conclusão

Parceiros de treino serão sempre uma mais valia, se forem bem escolhidos e integrados na tua rotina atual. Um bom parceiro de treino pode funcionar como colega de equipa, coach e adepto/fã do teu treino! Isto tudo enquanto treina contigo.
Alguns extras:

  • Mantem contato com o teu parceiro de treino na maioria dos dias: mensagens, emails ou um grupo de WhatsApp
  • Nunca te atrases, não chateies quem gosta de treinar contigo
  • Incentiva o teu parceiro a dar o seu melhor, mas mostra-lhe sempre quanto ele é dedicado
  • Arranja um coach para que vos consiga manter motivados com um bom treino a ambos
  • Sê o suporte que o teu parceiro preciso, principalmente nos dias em que a motivação não está em alta

Feliz Dia dos Namorados! #descomplica

PS: Continua sempre a correr uma promoção nos acompanhamentos e entradas em grupos com descontos até 50% na segunda inscrição, se for o teu caso, envia-nos mensagem ou um email.

Referências

[1] http://journals.sagepub.com/doi/10.1177/0265407513479214
[2] http://psycnet.apa.org/record/1984-01336-001
[3] http://www.psychology.northwestern.edu/documents/finkel-outsourcing.pdf
[4] https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/10707334
[5] http://www2.psych.ubc.ca/~schaller/Psyc591Readings/Zajonc1965.pdf
[6] https://arizona.pure.elsevier.com/en/publications/the-interplay-of-partner-influence-and-individual-values-predicts
[7] https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/19646328
[8] https://digitalcommons.ilr.cornell.edu/cgi/viewcontent.cgi?article=2071&context=articles
[9] https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/21746850
[10] https://www.amazon.com/Happy-You-Ultimate-Prescription-Happiness/dp/16003753244

Translate »